Skip to Content

Presença do DRM no Congresso da ABERT foi um sucesso, contando com o lançamento do primeiro transmissor DRM brasileiro

Durante sua partipação no 26º congresso da ABERT, realizado em Brasília do dia 19 ao 21 de junho o consórcio DRM (Rádio Digital Mundial) pôde notar o impacto positivo de seus mais recentes desenvolvimentos. O conjunto de visitantes, pesquisadores e profissionais de rádio difusão presentes na feira puderam celebrar o lançamento do primeiro transmissor digital DRM de ondas médias fabricado no Brasil pela BT Broadcast Transmitters.

Adicionalmente, muitos visitantes tiveram a oportunide de saber que o padrão DRM, que opera em todas as faixas de frequência, foi integralmente recomendado pela ITU e ETSI.

Os visitantes ficaram sabendo também que a rádio pública indiana AIR está transmitindo simultaneamente os sinais digital e analógico utilizando um único transmissor. Metade da população mundial está no momento sob a cobertura do sinal do padrão DRM. Nos últimos 12 meses, alguns dos maiores fabricantes de chipset do mundo apresentaram ou anunciaram em seu roadmap o desenvolvimento de chipset multipadrão programável com suporte ao DRM, como a NXP e a Parrot (Dibcom). No chipset da Parrot, por exemplo, será suportado ambos os padrões ISDB-Tb e DRM (tv digital e rádio digital).

O preço dos receptores está constantemente diminuindo como pode ser verificado a partir de informações presentes em www.drm.org.

Ficamos satisfeitos em promover o único padrão de rádio digital aberto, verde, flexível, que opera em todas as bandas e que é sustentado por uma organizaçao sem fins lucrativos.

Escute a entrevista na Rádio Abert dada por membros do Consórcio DRM e do DRM-Brasil:

Um fato interessante que se passou na feira do congresso foi a distribuição de um panfleto pela TellHD, representante do padrão HD Radio no Brasil, com informações falsas sobre o DRM, dizendo que o DRM não faz simulcast usando-se um mesmo transmissor (fato que estava sendo desmentido na prática no stand ao lado da BT onde se encontrava um transmissor emitindo AM e DRM) e que não é aprovado pela ITU (o DRM já foi aprovado por completo na ITU), além de outras inverdades com relação à possibilidade de serviços possíveis, quantidade de programas em simulcast, dentre outros dados comerciais falsos.


Mais informações em www.drm.org

AnexoTamanho
fake_folder_tell-1.JPG66.23 KB
fake_folder_tell_hd-2.JPG50.87 KB


X